Artigos Complementares

Organizações: Vínculo e Imagem.

Olá,

Esse post tem por finalidade desenvolver assuntos, idéias e opiniões relacionadas ao texto: Organizações: Vínculo e Imagem – Revista Administração de Empresas, Jul./Set. 1991.

Atualmente muito se fala sobre as novas técnicas que as organizações estão usando para recrutar, selecionar e entrevistar candidatos para vagas específicas da empresa.

Essas técnicas são referentes à vida pessoal do candidato, ou seja, técnicas nos quais é possível identificar se a pessoa “combina” com a empresa.

É importante ter funcionários felizes trabalhando, e é isso que a maioria das empresas estão buscando, uma combinação entre empresa e funcionário, onde ambos serão beneficiados.

Esse assunto está sendo cada vez mais trabalhado porque as empresas estão tomando consciência de que seus funcionários produzem mais em um ambiente mais feliz, onde seu trabalho é reconhecido. E o que mais se busca é reconhecimento, o poder pelo qual nos tornamos respeitados e somos inclusos na sociedade como pessoas de destaque, é o que todo mundo quer, é o que todo mundo busca.

No texto estudado é falado sobre o “Ego Imaginário” onde sua imagem é construída a partir do que as outras pessoas dizem a seu respeito, acredito que isso nos faz querer ser o que a sociedade nos pede.

Para a formação do “Ego Ideal” é necessário primeiramente seguir em busca da identidade, aquilo que realmente somos e que não deixaremos de ser. Existe um processo grande até esse “Ego Ideal”, e as pessoas criam uma regra em cima disso, onde as coisas têm que acontecer conforme a sociedade pede.

Desde muito cedo o individuo luta por status, reconhecimento e a busca da identidade. É importante que se sintam realizados, sabendo que é uma pessoa responsável, criando com isso uma identidade social.

As organizações além da sociedade, têm grande poder sobre os indivíduos que nela trabalham, mexem com o psicológico, com o estado físico e com os sentimentos, por isso é de suma importância pensar no funcionário não apenas como um número, mas sim como pessoas a serem trabalhadas a fim de torná-las mais produtivas para a empresa.

De qualquer forma o individuo estará preso ao controle que a empresa e a sociedade têm sobre ele, afinal, ele precisa trabalhar para comprar e para estar ativo na sociedade.

É inevitável, em minha opinião, que as coisas funcionem sem ter um processo mecanicista por trás de tudo, estou comentando a respeito por que mesmo que as empresas trabalhem a fim de dar melhores condições ao trabalhador (que também são minhas opiniões de como as coisas funcionam ou se ainda não funcionam em algumas empresas, deveriam funcionar) não é aconselhável exterminar totalmente o modelo mecanicista, afinal tudo precisa ser controlado e tudo deve ter regras.

O agir da organização sobre seus funcionários faz com que o “Ego” da organização também seja construído a partir do que eles pensam e passam adiante, por isso a importância do bom funcionamento de todos os setores da organização, fazendo com as pessoas aceitem e respeitem os processos.

Todos nós buscamos status, reconhecimento, vida social estruturada e com isso a procura do “Ego Ideal”, e as organizações têm um grande papel nos processos de nossas vidas, sendo que sem o trabalho, o homem em sua maioria não se sente como parte da sociedade.

😉

Anúncios
Motivação

Não vou me adaptar.

Quando eu estava no curso de didática e prática para o ensino superior houve uma apresentação, de uma de nossas colegas, sobre um treinamento de equipes, que dizia bastante sobre adaptação.

Estava pensando sobre isso e acho que não quero me adaptar, não quero me adaptar a nada, pois tudo tem a possibilidade de melhorar, tudo esta em movimento e em constante mudança.

Então, estarei sempre na busca de aperfeiçoar o que me for confiado. Sejam tarefas diárias no trabalho ou até mesmo coisas da vida pessoal, que se pararmos para analisar cada uma delas, iremos encontrar meios para fazer melhor.

Sei que falando parece ser fácil e na prática talvez seja mais difícil, pois temos a mania de ficar na zona de conforto, e para algumas pessoas quanto menos modificação melhor, quanto mais rápido você se adaptar a um emprego novo, melhor ainda. Mas pense bem, e analise, é muito mais gostoso e motivador querer não se adaptar.

Quando a gente se adapta a alguma coisa e os anos vão passando, você não sente aquela vontade de curtir a adrenalina do começo de tudo? Pois é… então, antes disso acontecer, pense assim: Não vou me adaptar a isso, não vou me acomodar, vou modificar!

E faça de cada dia um novo começo!

Não Vou Me Adaptar – Titãs
Composição: Arnaldo Antunes

Eu não caibo mais
Nas roupas que eu cabia
Eu não encho mais
A casa de alegria
Os anos se passaram
Enquanto eu dormia
E quem eu queria bem
Me esquecia…

Será que eu falei
O que ninguém ouvia?
Será que eu escutei
O que ninguém dizia?
Eu não vou me adaptar
Me adaptar…

Eu não tenho mais
A cara que eu tinha
No espelho essa cara
Não é minha
Mas é que quando
Eu me toquei
Achei tão estranho
A minha barba estava
Desse tamanho…

Será que eu falei
O que ninguém ouvia?
Será que eu escutei
O que ninguém dizia?
Eu não vou me adaptar
Me adaptar…

Não vou!
Me adaptar! Me adaptar!

Entrevista de Emprego

A Nova Entrevista de Trabalho.

ATENÇÃO!!!

ESSE BLOG MIGROU PARA O ENDEREÇO:

http://consultoriaemcarreira.com.br

ACESSE O NOVO BLOG E CONTINUE ENVIANDO AS SUAS PERGUNTAS.

OBRIGADA,

MARINA GOMES
___________________________________________________________________________________________________________________

Lendo a matéria da revista “você s/a” de junho 2010 destaquei alguns pontos que achei interessante e que precisamos saber ao participar de uma entrevista de emprego.

Agora a tendência é que os entrevistadores querem saber sobre sua vida pessoal.

As empresas estão cada vez mais exigentes na hora de contratar e os processos cada vez mais longos. É como eu sempre digo: Não precisa desesperar porque demora mesmo.

Você geralmente faz testes, entrevistas, dinâmicas e depois tem que aguardar por semanas ou até meses por uma resposta, seja positiva ou negativa.

Um ponto importante na hora de se preparar para uma entrevista é buscar informações sobre a cultura da empresa e principalmente mostrar interesse.

Na matéria diz: “As competências pessoais e os valores das pessoas se tornaram determinantes para a contratação. Informações sobre história de vida, visão de mundo, crenças e desejos passaram a fazer parte das entrevistas. A idéia é saber o quanto o perfil do candidato esta alinhado a cultura da empresa.”

O que esta sendo abordado é a felicidade do funcionário e essa felicidade só se torna real quando o funcionário “combina” com a empresa e isso é mensurado através das características do perfil do candidato em relação a cultura da empresa.

As perguntas da entrevista de trabalho giram em torno de como o candidato consegue consiliar vida profissional e pessoal e como é seu relacionamento familiar.

Espero realmente que a preocupação com o funcionário seja constante e verdadeira e não apenas para satisfazer as necessidades da empresa, pois se os gestores conseguirem cada vez mais buscar a felicidade dos funcionários as empresas tem grande chance de crescimento e satisfação do cliente.

Vamos trabalhar para que a tendência da “felicidade” continue e que todos se beneficiem com isso!

Fonte: Revista você s/a de junho 2010.

Liderança

Mudanças de Comportamento.

ATENÇÃO!!!

ESSE BLOG MIGROU PARA O ENDEREÇO:

http://consultoriaemcarreira.com.br

ACESSE O NOVO BLOG E CONTINUE ENVIANDO AS SUAS PERGUNTAS.

OBRIGADA,

MARINA GOMES
___________________________________________________________________________________________________________________

O que é mais fácil? Você mudar de comportamento ou fazer com que as pessoas mudem para se adaptar ao seu modo de ser? Em pensamento acho mais fácil começar de dentro! Mas na prática parece ser mais fácil fazer com que as pessoas mudem e você continuar na sua zona de conforto.

Analisando alguns fatos que acontecem na minha vida percebi que não adianta muito querer mudar as outras pessoas, você vai ficar perturbado se não conseguir atingir o objetivo, então o melhor a fazer é apenas mostrar o caminho, mostrar os pontos positivos que as mudanças irão trazer. E o resto é com a pessoa…

A mudança vem de dentro, isso é fato, o que nós, gestores, líderes, chefes, empresários, namorados, é namorados também, podemos fazer é mostrar o caminho, agora muda quem quer!

É fácil analisar as mudanças, perceba no começo dos relacionamentos, como as pessoas se comportam, começo de namoro todo mundo sabe como é, uma maravilha, mas depois de um tempo a gente se pergunta: mas porque ele(a) mudou???

Veja quando um funcionário entra em uma empresa, tenta agradar quem? O chefe, claro. No começo a gente não sabe se o chefe é um bom chefe ou se ele é ruim, então os funcionários ficam na tal zona de conforto, não coloca-se em perigo, boca calada. Mas e depois? Tem aqueles que falam mal por trás e na frente esta tudo bem, mas tem aqueles que não se agüentam e começam a enfrentar o chefe e é claro é mandado embora (conheço casos). É, tem de tudo um pouco.

E o que fazer para acabar com essas oscilações de comportamento do funcionário?

Liderança eficaz!

Lendo uma parte do blog da minha professora Cintia, que vocês já perceberam que sou fã dela… É comentado o seguinte:

John Maxell, aponta quatro fatores que levam as pessoas a desistirem de seus líderes:

1. As pessoas desistem de quem as desvaloriza;
2. As pessoas desistem de quem não é confiável;
3. As pessoas desistem de quem é incompetente;
4. As pessoas desistem de quem é inseguro;

Se os líderes às vezes desistem da gente também temos o direito de desistirmos deles, não temos!?

O meu conselho é, vamos reter pessoas, pessoas de talento, todos têm potencial, basta alguém descobri-lo!

E quem melhor para fazer isso? Nossos líderes!

Liderança

Vamos apenas discutir o assunto…

ATENÇÃO!!!

ESSE BLOG MIGROU PARA O ENDEREÇO:

http://consultoriaemcarreira.com.br

ACESSE O NOVO BLOG E CONTINUE ENVIANDO AS SUAS PERGUNTAS.

OBRIGADA,

MARINA GOMES
___________________________________________________________________________________________________________________

Hoje eu estava conversando com minha colega de trabalho sobre vários assuntos que poderiam deixar de ser apenas “ASSUNTOS”. Muitas das coisas que aprendemos na faculdade, na pós… e aí por diante, não são aplicadas em nosso dia-a-dia… E isso é um saco!

A gente rala pra caramba, enfrenta professores, colegas de classe, faz um monte de trabalhos em busca da melhor nota, se esforça, não dorme, não come… enfim… pra não usar as diversas informações que ficam armazenadas apenas em nossas cabecinhas.

Varias das vezes que elaborei trabalhos que são de formadores de opinião expressei toda a minha raiva. O mundo ideal como a minha professora Cintia diz, ainda não existe ou esta caminhando bem devagar para um dia existir, mas precisamos aprender como seria de fato esse mundo ideal.

Pelo amor de Deus, vamos parar de só imaginar e vamos começar a agir. Vamos motivar nossos funcionários, vamos aumentar a auto-estima das pessoas, vamos ser felizes trabalhando… Afinal, trabalhamos muito, mas do que o necessário, então pra que fazer o que não gosta??? Vai trabalhar em algo que te deixe feliz, mesmo que seja pra ganhar pouco ou apenas o suficiente.

Percebo que os líderes estão dando passos pra trás, o que faz uma pessoa ter faculdade, ter pós-graduação, mestrado ou seja lá o que for e não agir conforme seu aprendizado??? O que adianta aprender a fazer a diferença, a servir e não aplicar??? Sei-la, jogar dinheiro fora com faculdade é só pra quem esta podendo mesmo ou apenas pra ter diploma.

Vamos pensar um pouco e tentar mudar!

A noite passada antes de ir dormir descobri que queria ser presidente pra implantar uma lei, se é que presidente pode implantar leis… Sei-la… Gostaria que todos trabalhassem apenas 6 horas por dia, passando dessa carga horária recebe hora extra, mas é hora extra de verdade e não banco de horas!!! Com isso geraria mais empregos pois se a empresa quer ter funcionários trabalhando o dia todo então terá que contratar para as 6 horas restantes do dia. Assim todos teriam tempo para suas famílias, amigos e para o lazer e ninguém morreria de stress!!!

Fiquei nervosa!

Otima quinta!!!